Dois detidos com cocaína na barreira sanitária em SJB

Foto: Parahybano

Dois homens, de 30 e 31 anos, foram detidos com cocaína na manhã deste sábado, 28, na BR 356, barreira sanitária, em São João da Barra.

Segundo informações da polícia, os dois homens seguiam em um carro de passeio Hyundai/Elantra, de cor preta, para São João da Barra quando foram abordados no Km 160 da BR 356, barreira sanitária, em Barcelos, onde um dos suspeitos foi observado tentando colocar algum objeto em sua boca. Quando revistado, o suspeito confessou se tratar de cocaína.

A polícia acrescenta, ainda, que durante a revista daquele veículo, foi encontrado na porta do lado carona, onde o outro suspeito estava, 14 pinos de uma substância, possivelmente, cocaína, cuja apreensão foi conduzida, posteriormente, para o PRPTC/ICCE, para fins de análise. O mesmo confessou durante abordagem que conseguiu engolir dois dos pinos antes da abordagem, e, portanto, havia um total de 16 (dezesseis) pinos.

Os dois foram encaminhados para a 145ª Delegacia de Polícia de São João da Barra, onde foi constatado em pesquisa no sistema de segurança online que contra o suspeito de 30 anos já haviam diversas passagens por diversas ilicitudes já cometidas, dentre as quais, o tráfico ilícito de entorpecentes, sendo, portanto, elemento bastante conhecido entre as guarnições da área da 5ª Cia, e outro de 31 anos, também com passagens de violência contra mulher e posse e uso de entorpecentes. Na DP, os dois entraram como usuários de drogas, sendo enquadrados na Lei de posse e uso de entorpecentes e liberados logo após; que feito a verificação no sistema quanto ao veículo e nada de ilícito fora constatado.

A prefeitura de São João da Barra tomou medidas de controle e fiscalização desde o início da pandemia. Uma barreira sanitária localizada em Barcelos permite apurar dados e colocar em quarentena os pacientes de risco. Além disso, o Executivo publicou três decretos com várias medidas de prevenção a Covid 19.

A ação foi realizada pela viatura Delta 17 com o subtenente Moisés e sargento Freitas.

 

Comente