SJB receberá primeiro lote de vacinas até quarta-feira

Confirmação ocorreu em reunião on-line nesta segunda-feira com o governo estadual

Foto: Marcos Pirralho

São João da Barra vai receber esta semana 1.400 doses da vacina Coronavac, produzida pelo laboratório Sinovac com parceria do Instituto Butantan. A previsão é que este primeiro lote chegue até quarta-feira, 20. O prazo foi anunciado durante reunião virtual na manhã desta segunda-feira, 18, entre representantes das secretarias municipal e estadual de Saúde.

O secretário municipal de Saúde, Sávio Saboia, explicou que assim que as vacinas chegarem ao município será iniciada a vacinação dos grupos prioritários definidos pelo Ministério da Saúde: profissionais de saúde que se encontram em maior risco na linha de frente ou lidando com pacientes mais delicados e idosos com 60 anos ou mais e que estejam institucionalizados (retiros/asilos e abrigos).

“Nossa expectativa é que o Ministério da Saúde tão logo envie todo o quantitativo de vacinas necessárias para cobrirmos  os grupos prioritários, bem como a segunda dose dessa primeira fase. Assim poderemos ampliar de forma mais célere a cobertura dos cidadãos que serão imunizados”, afirmou.

Ainda nesta segunda-feira chegam ao município 11.400 seringas e agulhas, enviadas pelo governo estadual. Segundo a coordenadora de Vigilância em Saúde, Arleny Valdés, São João da Barra já tem as equipes capacitadas e estrutura física para receber as vacinas e iniciar a imunização. “Vamos acompanhar todas as normativas do Ministério da Saúde, iniciando a vacinação com os grupos prioritários, mas pedimos à população calma e paciência porque informaremos paulatinamente todos os passos da imunização”.

Arleny informou que no segundo momento a vacinação continuará para funcionários da Saúde e os idosos. Na sequência, seguindo as orientações do Ministério da Saúde, a imunização terá como critério de prioridade os grupos de risco. “O protocolo do Ministério da Saúde inclui quatro fases de imunização e, neste início, vamos começar com uma parte da primeira fase”, completou Arleny.

Também participaram da reunião o subsecretário municipal de Saúde, Pedro Bastos, a coordenadora de Imunização, Rachel Rebel, e a coordenadora de Enfermagem, Juliana Alves.

Fonte: Secom

 

Comente