SJB com alto índice de investimento na saúde

Município é o terceiro do Estado com maior aplicação, por habitante, na saúde, segundo dados do Conselho Federal e Medicina

Foto: Divulgação

Traçado como prioridade desde o início da atual gestão, São João da Barra se destaca como o terceiro colocado entre os 92 municípios do Estado do Rio de Janeiro em investimento per capita (por habitante) na saúde, utilizando recursos próprios, segundo levantamento do Conselho Federal de Medicina (CFM). Os dados, referentes a 2017, mostram que o gasto por habitante foi de R$ 1.472,94, um aumento de 45,5% em relação ao aplicado no ano de 2016, em ações e serviços.

Entre as ações que levaram a esse resultado, de acordo com a prefeita Carla Machado, estão, entre outras, a aquisição de novos equipamentos, aumento da frota para atender a população, reforma de unidades de saúde e investimento em pessoal, inclusive com a convocação de 136 profissionais aprovados em concursos, 54 destes em 2017, além de prestadores de serviços, como agente de endemias.

– Quando assumimos o governo, em meio aos diversos problemas a enfrentados, assumimos o compromisso de priorizar a saúde, e os números comprovam isso. Em dois anos conseguimos mudar a realidade do setor em nosso município e muitas dessas realizações foram em 2017, assim que assumimos nossa terceira gestão, como exemplo citamos a reabertura da maternidade e a retomada das cirurgias em diferentes especialidades na Santa Casa de Misericórdia, instituição conveniada com o município – destacou.

Foto: Marcos Pirralho

Por se tratar de 2017, a prefeita acredita que os números relacionados a 2018 apresentarão ainda mais avanços em termos de investimentos em Saúde, já que as ações continuaram sendo intensificadas no decorrer de 2018 e prosseguem em 2019.

“Nossas emergências estão atendendo com dois médicos, dois enfermeiros e quatro técnicos, todas com UTI para fazer a estabilização e com UTIs móveis. A Clínica Ortopédica tem realizado 10 cirurgias por semana. O município ainda realiza centenas de cirurgias gerais. Exames nunca realizados no município como de genética, agora estão à disposição da população e temos equipes de odontologia em todos os ESF’s. Hoje temos um Termo de Ajuste de Conduta assinado com a Santa Casa de Campos dos Goytacazes para cirurgias e internação em Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) para atender nossa população”, pontuou o secretário municipal de Saúde, José Antônio Fonseca.

No contexto nacional, ainda em relação aos dados do CFM, cerca de 2.800 municípios estão abaixo do valor médio de R$ 403,37 por habitante, aplicado pelos gestores em Ações e Serviços Públicos de Saúde (ASPS), declaradas no Sistema de Informações sobre os Orçamentos Públicos em Saúde (Siops), do Ministério da Saúde. Em termos de Estado, *São João da Barra fica atrás apenas de Porto Real (R$ 1.843,94) e, em primeiro e, Macaé (R$ 1.638,56), em segundo.

No gráfico do Conselho Federal de Medicina o município de São João da Barra, com cerca de 35 mil habitantes, aplicou na saúde, em 2015, R$ 644,68 e, em 2016, R$ 1.012,18, por habitante.

Fonte: Secom – SJB

 

Comente

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *