SJB assume primeiro lugar no Cidade Empreendedora

Programa visa melhorar o ambiente empreendedor das cidades

Foto: Divulgação

São João da Barra iniciou o mês de novembro em primeiro lugar no ranking do programa Cidade Empreendedora, desenvolvido pelo Sebrae em parceria com a Prefeitura, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Tecnológico. 11 municípios do estado do Rio de Janeiro competem em tempo real e a proposta é melhorar o ambiente empreendedor nessas cidades.

“Com as atualizações, atingimos 47.750 pontos e estamos trabalhando bastante para que na última reunião e atualização do game, em dezembro, possamos aumentar esses pontos com outras ações”, relatou o coordenador do projeto e vice-prefeito, Alexandre Rosa, que recebeu a visita dos consultores do Sebrae para atualização do sistema gamificado, com as novas informações do poder público levando o município a saltar da 5ª para a 1ª colocação.

“Esse programa tem sido fundamental para impulsionar e criar uma cultura de empreendedorismo na cidade, gerar renda e emprego e melhorar o ambiente de negócios. Mais importante do que ser o primeiro colocado é deixarmos um legado para o município e isso é mérito de toda a equipe envolvida”, declarou a prefeita Carla Machado, ressaltando que as ações desenvolvidas no município vêm apresentando resultados positivos.

Os agentes de Desenvolvimento Luciano Barreto e Charlene Rangel confirmaram  que até o fim do ano outras ações serão implementadas. “As perspectivas de mantermos essa colocação são boas tendo em vista as ações que pretendemos colocar em prática. Entre elas capacitação de secretários; gestores; contadores da região; fornecedores locais; atendentes da sala do empreendedor. Também estão previstas reuniões com gestores da Fazenda, Licitação e Comunicação, além de seminários e, futuramente, pregões eletrônicos e tomadas de preço, voltados para os microempreendedores locais”, explicou Luciano.

Fonte: Secom – SJB

 

1 Comentário

  1. Sr. Luciano essa melhorias são vista por quem e aonde ? Me fala o que mudou empreendorismo local pois tudo que foi citado acima eu não vejo. Tenho um cormecio de alimentação e so vejo ações de vcs no verão com fiscais cobrando e impondo que temos que pagar para trabalhar. Por gentiliza faça uma materia mostrando os dados e mostre para populção esse “SALTO” que o municipio deu desde ja agradeço.

    Obs: Me desculpe por me mostrar cego perante essas evoluções mais meu negocio e a cidade que eu vivo pago meus imposto não evoluiu.

    Artur Aguiar

    Reply

Comente

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *