Segurança: ações intensificadas no verão de SJB

Trabalho integrado envolve polícias Civil, Militar, Rodoviária Federal e Secretaria de Ordem Pública

Foto: Paulo Pinheiro

A segurança é preocupação constante das autoridades em São João da Barra. O trabalho, neste período de verão, está intensificado com parcerias nas ações realizadas pela Secretaria de Ordem Pública, Guarda Civil Municipal, e as polícias Rodoviária Federal, Civil e Militar. No primeiro balanço — entre o final de 2018 e o primeiro fim de semana de shows —, para o secretário de Ordem Pública, Rodrigo Machado, “o saldo foi positivo” e “os trabalhos executados com êxito”, inclusive dentro da Operação Orla Segura.

Pelos números da Semop, entre os dias 1º e 6 de janeiro de 2019, quando ocorreram os primeiros shows do Festival de Verão, foram 23 notificações no trânsito pela Guarda Civil Municipal, por falta de cinto de segurança, motociclistas sem capacete e veículos com som alto. “A equipe atua na fiscalização e educação do trânsito e, também, nos eventos que ocorrem durante o verão. Dentro do Projeto Orla Segura, atuação se estende, também, à faixa de areia”, disse o comandante da Guarda Civil Municipal, Marcos Teixeira.

A tônica do planejamento não se resume aos principais eventos. As operações, explica Rodrigo, vão ocorrer em vários locais com dias e horários alternados. No primeiro fim de semana de janeiro, por exemplo, uma ação coordenada, entre a Semop e a Polícia Militar, e Guarda Civil Municipal foi realizada do outro lado da Lagoa, em Grussaí, com 14 apreensões, dessas cinco carros e nove motos.

— A questão da segurança também foca o planejamento do verão, como os shows e eventos. Temos aqui a presença da Polícia Militar, da nossa estrutura montada para garantir maior segurança e da Polícia Rodoviária Federal, na BR-356, fazendo operações. Isso está acontecendo em todo o município. Os trabalhos da Secretária de Ordem Pública estão sendo executados e, até agora, com êxito — destaca Rodrigo Machado.

Foto: Paulo Pinheiro

No caso da Polícia Militar, o comando está disponibilizando viaturas de outras companhias para atender a demanda, assim como moto patrulha e policiamento POE, com policiais a pé, de colete e bastão. O município também recebeu, neste início de ano, mais duas viaturas novas. “Esse trabalho é feito de forma a preservar a ordem pública. Quanto à população, como a polícia não está em todos os lugares, a orientação é que, ao entrar no veículo, não fique se ajeitando e saia logo, que preste atenção ao entrar em casa, que evite distração com o celular, porque o criminoso sempre está atento. Qualquer movimentação suspeita é acionar o 190. A PM está pronta para atender”, explica o tenente Correa, comandante do policiamento no Balneário e no Açu.

Números — Dados da Polícia Rodoviária Federal também mostram a atuação na BR-356, no trecho compreendido entre Campos e São João da Barra. No período, entre 21 de dezembro passado e 1º de janeiro de 2019, 400 multas foram lançadas no sistema e 50 veículos foram retidos na rodovia federal. “A ação em São João da Barra, no verão, é sempre intensificada, isso desde sempre, devido à característica do trecho da BR 356. A PRF começou a pagar uma gratificação de hora extra e possibilitou mais servidores atuando no fim do ano na prevenção à acidente na rodovia. O resultado foi o significativo número de multas, com saldo de zero mortes, o que é classificado como sucesso. Iremos dar prosseguimento ao trabalho durante todo o verão e no Carnaval”, ressalta o superintendente da Polícia Rodoviária Federal, em Campos, Yuri Guerra.

Fonte: Secom – SJB

 

1 Comentário

  1. Não vi muita coisa no final de semana passado, pois na areia tinha motoqueiro correndo e caminhonete na beira mar! Não vi ninguém abordando essas pessoas!

    Reply

Comente