Projeto “Pegadas nas Restingas” chega na etapa final em Atafona

Foto: Leonardo Berenger

Acontece no próximo dia 29, a partir de 14h no Balneário em Atafona, em São João da Barra a última etapa do projeto “Pegadas nas Restingas”, realizado pela ONG Ecoanzol com apoio da Prefeitura Municipal de São João da Barra.

Segundo a organização, o projeto começou em dezembro de 2018, quando 30 adolescentes que participavam do grupo escoteiros 129 Gemar de São João da Barra, enterraram uma cápsula com informações sobre o que é uma restinga.

Em janeiro deste ano, Quissamã sediou a primeira etapa “Pegadas nas Restingas”, com visita ao Parque Nacional da Restinga de Jurubatiba. Em fevereiro, os escoteiros conheceram o Parque Estadual da Lagoa do Açu (Pelag) no litoral de Farol de São Tomé, em Campos, também no Norte Fluminense. O projeto também já levou uma equipe ao município de São João da Barra, os participantes visitaram a Reserva Particular do Patrimônio Natural (Caruara).
É importante ressaltar que em todas as etapas foi realizado um trabalho pela equipe pedagógica, com ações voltadas para o conhecimento do território explorado.

Foto: Leonardo Berenger

“Agora iremos desenterrar a cápsula, no dia 29 de junho, seis meses após o início do projeto que tem o foco na educação ambiental. Vamos medir o conhecimento, após a visitação e os acampamentos que realizamos em cada etapa. Nossas metas foram: conhecer a restinga do nosso território, entender a importância do bioma, fortalecer o trabalho em grupo e influenciar nas boas práticas de preservação através da disseminação do conhecimento aplicado”, explicou Luiza Sales organizadora do projeto que ainda acrescentou que o “Pegadas nas Restingas” foi realizado dentro do Campeonato de Pesca realizado pela ONG Ecoanzol.

“O circuito de pesca já é uma tradição porque nosso foco é a sustentabilidade. Trabalhamos para disseminar essa prática junto a sociedade, as empresas e o poder público. Temos o apoio do Porto do Açu, da BP Marine e do O Pescador que acreditam no projeto”, finalizou.

Fonte: Ascom

 

Comente