Prefeitura de SJB investe no artesanato local

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

A Prefeitura de São João da Barra vem trabalhando o fortalecimento do artesanato local por meio de políticas públicas junto à Casa do Artesão Alcimar Simões Bomgosto (CAASB), que tem como sede a Estação das Artes Derly Machado, no centro da cidade. A iniciativa envolve a Secretaria de Assistência Social e Direitos Humanos, via Superintendência de Trabalho e Renda.

“Oferecemos ao artesão, capacitação, assistência técnica, viagem mensal para compra de matéria-prima, disponibilização de local pra comercialização de produtos na Estação das Artes, no Calçadão ao lado da Prefeitura e nos quiosques no Cais do Imperador e no Polo Gastronômico”, pontuou a Assistência Social e Direitos Humanos, Claudia Falcão, ressaltando que o objetivo é promover o desenvolvimento da produção artesanal visando a geração de trabalho e renda.

Apoio na comercialização em feiras e eventos diversos, como na Casa do Artesanato, na cidade do Rio de Janeiro, e auxílio no recadastramento dos artesãos locais no Programa de Artesanato do Estado do Rio de Janeiro também englobam, de acordo com a secretária, as ações voltadas para o segmento.

A Casa do Artesão Alcimar Simões Bomgosto, atualmente com 22 artesãos cadastrados, está aberta a novas inscrições. “A intenção é agregar todas as pessoas que trabalham com artesanato no município para que possamos adquirir cada vez mais força visando a expansão e comercialização dos produtos”, declarou a presidente Maurícéia Teixeira, informando os documentos (cópia e original) necessários para efetuar o pré-cadastro: identidade, CPF, título de eleitor e comprovante de residência.

– Após essa etapa, uma avaliação coordenada por três diretores da Casa do Artesão analisará as habilidades, coordenação motora e acabamento, visando identificar realmente as pessoas que saibam trabalhar na confecção do artesanato, tendo em vista que é proibido terceirizar produtos – explicou Mauricéia, detalhando que, caso o artesão seja aprovado na avaliação, basta pagar uma taxa de inscrição e mensalidade, no valor de R$ 15,00.

Em março, os artesãos de São João da Barra participaram do 11º Rio Artes Manuais, no Rio Centro. Em abril estiveram no Festival Gastronômico, em Grussaí; em maio, no Cabo Frio Artes Manuais. A cada dois meses, têm exposição e comercialização nas empresas Prumo e Ferroport e, uma vez por mês, na UFF, em Campos. Também está confirmada presença, nos dias 22 e 23, e 29 e 30 de julho, no Arraiá Gastronômico, em Grussaí.

Há planos de até o final do ano, segundo a presidente, de participar da Feira do Lavradio, na Lapa, Rio de Janeiro, e de exposições agropecuárias da região, além do retorno das oficinas ocupacionais no Retiro São João Batista e realização de capacitação em parceria com a Prefeitura e o Sebrae. Ela lembra que o horário de funcionamento da Casa do Artesão, e no Calçadão ao lado da Prefeitura, de segunda à sexta-feira, das 9h às 17h.

Fonte: Secom-SJB

 

Comente

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *