Comemoração pelo Dia da Abolição da Escravatura neste sábado, 12, em SJB

Na programação, palestra, oficinas, exposições e apresentações de dança e música

Foto: Divulgação

Com o tema, “13 de maio – reflexão pós-abolição”, a Prefeitura de São João da Barra, por meio das secretarias de Turismo, Esporte e Lazer e de Educação e Cultura, e o Movimento Negro Unificado (MNU) realizarão sábado, 12, um evento na Casa de Cultura João Oscar do Amaral Pinto – Antiga Casa de Câmara e Cadeia –, com palestras, oficinas e apresentações de dança e música. O objetivo é contribuir para a reflexão da condição da população negra após 130 de abolição da escravatura.

A programação será aberta às 10h, com a cerimônia de Lavagem do Cais do Imperador, próximo à Casa de Cultura. Às 11h, Roda de Capoeira com apresentação dos grupos “Abadá Capoeira” e “KBI/DE” (Coletivo de Mulheres Negras Lésbicas). Das 13h às 16h30, oficinas de capoeira, jongo, percussão afro, turbantes, tranças, maculelê, abayomi e contação de histórias.

Às 18h, acontecerá palestra e debate com o tema “O negro em perspectiva – 13 de maio e os efeitos do pós-abolição”. A partir das 20h, cerimônia de lançamento do MNU/São João da Barra, palestra explicativa sobre o que é o MNU e ato de filiação de membros no MNU. Às 21h, tem espetáculo de folguedo “O Samba de Roda”. Encerrando a programação, às 21h30, show com a Banda Raiz.

“Esse evento faz parte das políticas públicas voltadas para o combate ao racismo e possibilitará a conscientização da importância da reparação da igualdade étnica, a valorização das expressões culturais afro-brasileiras, e propicia ferramentas para construção de identidade da população negra sanjoanense”, disse o secretário de Turismo, Esporte e Lazer, Edivaldo Machado.

Fonte: Secom – SJB

 

Comente

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *