Jovem é autuado e motocicleta com torbal é apreendida em SJB

Descarga aberta (torbal) resultou em ocorrência por perturbação do sossego e do trabalho 

Foto: Divulgação

Em patrulhamento de rotina na noite de domingo, 19, por volta das 21h30, em Grussaí, a Guarda Civil Municipal e o Programa Estadual de Integração na Segurança Pública (Proeis) apreenderam uma motocicleta, modelo Honda, às margens da lagoa. Além de estar com descarga aberta (torbal) foi constatado que o condutor, de 20 anos, não possuia documentação do veículo nem carteira de habilitação.

O caso foi registrado na 145ª Delegacia de Polícia e VSP, de 20 anos, foi autuado por perturbação do sossego e do trabalho.

O secretário de Segurança Pública de São João da Barra, Anderson Campinho, explica que existe todo um trabalho visando reprimir veículos que utilizam descarga aberta, emitindo barulhos que incomodem a população, sobretudo os que utilizam o torbal.

“Ações nesse sentido envolvem a Guarda Civil Municipal e policiais militares do Proeis e da 5ª Companhia do 8° Batalhão de Polícia Militar. Existe um entendimento junto à autoridade da 145ª DP que o condutor flagrado com esse tipo de equipamento será conduzido para que seja efetuada a ocorrência pela perturbação do trabalho e do sossego”, disse.

Em ocorrências como essa, o secretário explica que o próprio agente público (guarda municipal policial militar) pode ser o queixoso, mas ele alerta à população da importância de realizar denúncias e em se dispor a ir à Delegacia fazer o registro de ocorrência.

Os números disponibilizados pela Secretaria Municipal de Segurança Pública para a denúncia são: 2741-1190, 153, além do WhatsApp 99615-3153 e 190 (Polícia Militar).

Leia também: Linha chilena, motocicletas com torbal e abuso sexual infantil na mira da segurança pública de SJB

 

5 Comentários

  1. Acho então que eles poderiam fazer umas patrulhas dessas ao longo do dia na minha vizinhança. Só acho.

    Reply
  2. Lementa a polícia se preocupar com esse tipo de coisa.

    Reply
  3. Essas atuações deveriam se repetir seguidamente.

    Reply
  4. É estranho essa atuação,pq se vc olhar pelo outro lado e as motos custon são mais barulhentas não gosto desse barulho de descarga furada não mais uma esportiva comprada já é outra coisa por isso q deve ser repensando este tipo de atuação pq as custon podem e as outras não!?

    Reply
  5. O cara eu tive uma moto custom 2anos e nunca tive problema com os guardas o negócio e andar direito e ter os documentos em ordem e depois as motos custom tem o direito deste tipo de assessorio por ela já tem direito de usar mas com sabedoria não com incopetencia

    Reply

Comente