José Eduardo continua na presidência da Vila Imperial de SJB

Foto: Divulgação

José Eduardo Pereira da Silva foi eleito novamente o presidente do Grêmio Recreativo Escola de Samba Acadêmicos da Vila Imperial. A Assembleia Geral Ordinária foi realizada no último dia 13 de dezembro, e às 11h, no Clube Sanjoanense, Centro de São João da Barra.

A eleição ocorreu normalmente, onde com a maioria dos votos o presidente foi reeleito com chapa única.

Nova Diretoria

Presidente: José Eduardo Pereira da Silva
Vice – Presidente: Willian Ribeiro Barboza
Primeiro Tesoureiro: Jefferson Tadeu França Gomes
Segundo Tesoureiro Andrea de Oliveira Rangel
Primeira Secretária: Jurema de Souza Vieira
Segunda Secretária : Jackeline Pereira da Silva
Diretor de Patrimônio: Benedito Jorge da Silva
Diretor de Barracão: Maurício Gonçalves Lopes
Diretor de Bateria: Matheus dos Santos Cunha
Diretor Social: William Vieira Tavares de Souza.
Membros do Conselho Fiscal:
Lincon Cajueiro da Silva
Alice dos Santos Neves
José Francisco da Silva
Salvador Adilson Tavares.

A fundação

No último dia 26 de abril de 2018, diretores e fundadores se reuniram no salão do Clube do Sanjoanense para oficialmente criar a Acadêmicos da Vila Imperial, mais uma escola de samba que pretende contribuir com o melhor carnaval que é considerado o melhor do interior do Estado do Rio de Janeiro. A escola quer preencher o espaço da segunda-feira de carnaval deixado pela Unidos da Chatuba, que há dois anos consecutivos não desfila devido a problemas com a justiça.

Sob a presidência de Eduardo Pereira, que durante cinco anos comandou a bateria da Escola de Samba Chatuba e que hoje mantém o projeto Escola de Aprendizes e Ritmistas, criado em 2011, a Acadêmicos da Vila Imperial nasceu de um grupo de pessoas que abandonaram a escola de samba Chatuba no ano de 2016.

De lá até este ano, a escola segue se apresentando no carnaval de São João da Barra.

Leia também: G.R.E.S. Acadêmicos da Vila Imperial convoca associados para eleição

 

Comente